Como realizar cotações de frete

frete bling, gateway de frete, cotações de frete, cotar frete, transportadoras para e-commerce, contratar transportadora, api de frete, api de frete e-commerce, automação logística, calcular frete fbits, cálculo de frete, cálculo de frete offline para correios, contratar transportadoras, frete e commerce, frete e-commerce, frete ecommerce, integrações de frete, integração de frete, automação logística

As cotações de frete são indispensáveis e permeiam boa parte do processo de vendas, seja para empresas B2B e B2C, como indústrias e lojas virtuais. Em tese, é através dela que o operador identifica qual a empresa de transporte irá atender melhor sua necessidade de envio para aquela encomenda.

As cotações podem ocorrer de algumas maneiras diferentes, dependendo da operação de cada empresa.

Elas podem ser realizadas manualmente, onde o colaborador calcula o frete através de dados em tabelas ou entrando em contato com a empresa de transporte, solicitando os valores e prazos ao fornecer as especificidades da encomenda. Esse procedimento está suscetível a inexatidão, erros humanos e demora no retorno das transportadoras.

Também são realizadas via carrinho de compras, para as empresas de e-commerce ou através de ferramenta de automação logística, tanto para empresas B2B e B2C. As cotações de frete no carrinho de compra também podem esconder custos e prejuízos difíceis de identificar, quando a tabela de frete inserida na plataforma está desatualizada ou quando diverge o peso cubado. Essa divergência ocorre com muita frequência, pois as tabelas de frete são estáticas, não consideram o peso cubado e quando consideram, consideram somente um, considerando que o fator de cubagem varia de acordo com cada transportadora. Explicaremos mais a fundo sobre o peso cubado no decorrer do texto.

O cálculo do frete varia de acordo com cada cenário, mas há fatores comuns a considerar. A seguir falaremos sobre essas especificidades e variáveis para realizar cotações de frete corretamente.

* Ponto de coleta e ponto de entrega

Neste primeiro ponto, é preciso considerar o valor de frete por km rodado. A distância percorrida pela transportadora para realizar coleta e a entrega, incide diretamente nos valores, devido ao consumo de combustível, tempo e desgaste da frota, além da necessidade de vários colaboradores.

* Especificidades do produto

A categoria dos produtos também devem ser considerados ao realizar cotações de frete, pois o manejo de uma carga congelada, perecível ou viva não é a mesma de um calçado, por exemplo, e, logicamente influenciará nos valores.

* Medidas e peso do pacote

Essa variável é uma das primícias a se considerar para realizar as cotações de frete. Pois as dimensões e peso do pacote determinam a capacidade de transporte do caminhão. Dependendo dessas características, podem inclusive, limitar a capacidade de algumas transportadoras ou Correios. A multiplicação desses fatores é feita e comparada o preso bruto com o peso cubado e é adotado o maior valor.

* O que é e como calcular peso cubado?

O que pesa mais, um quilo de pena ou um quilo de chumbo? Pergunta clássica. Vamos adequá-la para a situação em questão. O que ocupa mais espaço, um quilo de pena chumbo ou um quilo de chumbo? O quadro mudou totalmente, não acha?

O exemplo acima descreve bem o que é o peso cubado. Ele indica que muitos pacotes apesar do peso pequeno, ocupam um espaço maior no baú do caminhão, limitando a capacidade de lotação. O inverso também ocorre, uma encomenda muito pesada, mas com poucas dimensões, que também acaba limitando a lotação, devido a capacidade de transporte relacionada ao peso.

Sendo assim, o peso cubado é utilizado para determinar o preço do frete em metros cúbicos, baseado na despesa que a transportadora terá para levar a encomenda e não somente no peso bruto.

O peso cubado é determinado a partir da multiplicação da altura x largura x cumprimento x fator de cubagem. O fator de cubagem é definido pela transportadora e está relacionado ao valor equivalente ao m³ de determinado veículo de sua frota. A maioria dos casos no frete rodoviário o fator de cubagem utilizado é o de 300kg/m³.

Todavia, é importante ressaltar que as tabelas de frete consideram apenas um fator, o que for inserido ou nenhum. E caso haja essa divergência no cálculo, haverá uma diferença entre o valor pago pelo cliente e o valor que o e-commerce irá pagar para a transportadora, onde gera prejuízos.

Alguns gestores optam por acrescentar uma regra de frete com um determinado valor a mais nos fretes, visando compensar essa divergência. Porém, é comprovado que grande parte dos carrinhos abandonados no e-commerce é em decorrência de altos valores de frete. Caso o preço da entrega não seja atrativa, o consumidor prefere não finalizar a compra. É preciso resolver o problema de maneira efetiva e sem aumentar os valores do frete, pelo contrário, é preciso buscar medidas para fornecer mais opções de entrega e menores prazos com bons preços.

CLIQUE AQUI E VEJA QUANDO VALE A PENA OFERTAR FRETE GRÁTIS

* Taxa de restrição de trânsito (TRT)

O aumento da quantidade de veículos nas ruas tem gerado uma grande dificuldade em conseguir vagas de estacionamento. Por isso, há restrições de circulação para veículos de transporte, o que reduz a fluidez de entregas, com isso gera-se mais custos, e, caso o endereço de entrega ou coleta seja em cidades que possuem essa restrição, as transportadoras costumam cobrar taxas para cobrir esse custo.

* Frete Valor ou Ad valorem

Essa taxa é referente ao seguro da encomenda, baseando-se no valor declarado. Ela é composta duas variáveis: Pela Responsabilidade sobre o Transporte Rodoviário de Cargas (RCTR-C), criada e definida como obrigatória através da Lei de N° 61.687/67, referente a acidentes; E pela Responsabilidade Civil Facultativa do Transportador Rodoviário por Desaparecimento de Carga (RCF-DC), cobre furtos e desvios de encomenda, todavia é de uso facultativo.

* Gerenciamento de Risco em Transporte Rodoviário de Cargas (GRIS)

É uma taxa cobrada para custear medidas de prevenção e combate a situações de furto. Esses recursos são utilizados para investir em sistemas de rastreamentos, monitoramento de rotas, escolta para a frota, dentre outros.

A Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística (NTC&Logística) possui alguns valores e medidas pré-definidas, tendo como valor mínimo o valor de R$ 3,00 ou por NF-e, com a taxa de 0,30%. Permanecendo o valor maior.

* Custos com pedágio

Os custos com pedágio tornaram-se responsabilidade dos embarcadores através da Lei de Nº 10.209. Os valores referentes a pedágios é cobrado proporcionalmente pelos embarcadores, acrescidos no valor final do frete fracionado.

* Custos pós-envio

Em alguns casos, circunstâncias imprevistas podem gerar novos custos, como novas tentativas de entrega ou a recusa de recebimento, por divergir do que fora comprado ou por estar avariado.

Como eliminar os prejuízos com cotações de frete sem influenciar na experiência de compra?

Como fora citado anteriormente, as tabelas de frete inseridas no carrinho de compra ou utilizadas manualmente, podem esconder alguns prejuízos, por serem estáticas, o que gera uma maior dificuldade de crescimento do e-commerce, nem todos gestores realizam o comparativo de quanto foi pago pelo cliente, por frete individualmente e quanto a empresa pagou para as transportadoras, relacionado aqueles fretes. É um gap preocupante, assim como nas cotações de frete manuais, que são suscetíveis a erros humanos e demorados.

Baseando-se nessa necessidade do mercado, a Frete Rápido possui funcionalidades capazes de eliminar esses prejuízos e custos adicionais.

Nossa ferramenta funciona como um hub de modais. Reúne diversas transportadoras do Brasil inteiro e fornece seus serviços para empresas que necessitam entregar suas mercadorias.

A partir daí, realizamos as cotações de frete direto no carrinho do consumidor, dando retorno com preços, prazos e opções de transportadoras que atendem suas especificações, tudo isso em menos de um segundo, e considerando todas as generalidades, eliminando assim, os prejuízos com cálculo de frete, como mencionados acima, para as empresas que no caso não utilizam e-commerce, é disponibilizado um Painel de Usuário, onde é possível realizar as cotações de frete rapidamente, com poucos cliques.

Na sequência, a contratação do frete é feita de maneira automática, gerada a solicitação de coleta e informado todos os dados da transportadora, necessário para a emissão da NF-e. O rastreio é disponibilizado neste mesmo painel, independente da transportadora, além de atualizar o destinatário por e-mail, a respeito de todas as ocorrências. O gestor ainda conta com KPIs e métricas para análise de toda sua operação.

Converse com nossos profissionais e descubra o plano ideal para você começar a gastar menos com sua logística!

frete bling, gateway de frete, cotações de frete, cotar frete, transportadoras para e-commerce, contratar transportadora, api de frete, api de frete e-commerce, automação logística, calcular frete fbits, cálculo de frete, cálculo de frete offline para correios, contratar transportadoras, frete e commerce, frete e-commerce, frete ecommerce, integrações de frete, integração de frete, automação logística

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *